Evangelho no Lar

Você sabe o que é o Evangelho no Lar? Não? Então vamos apresentar um roteiro que o ajudará a conhecer e até adotar essa prática,  de extrema importância na difusão do conhecimento evangélico. Caso queira saber mais, ou esclarecer dúvidas, basta procurar a equipe do Evangelho no Lar, que fica plantão, toda quarta-feira, a partir das 19h, no térreo.

O que é?

É uma reunião de estudo e reflexão em família sobre os ensinamentos de Jesus, à luz da Doutrina Espírita, tendo a prece como ligação com o Mestre.

Qual a importância do Evangelho no lar?

Prepara a melhoria do ambiente doméstico e faz com que nossa casa se transforme em uma fortaleza de claridades espirituais. Pensamentos e sentimentos elevados elevam o padrão vibratório do lar, favorecendo a influência dos Mensageiros do Bem.

Quais livros podem ser utilizados nessa reunião?

O livro básico é o Evangelho Segundo o Espiritismo. Também podem ser utilizados os livros de Emmanuel, da série Fonte Viva (Pão Nosso, Caminho Verdade e Vida, Vinha de Luz, Fonte Viva…); Messe de Amor, de Joanna de Ânglelis; e outros de conteúdo semelhante.

Tempo de duração?

Não há um tempo fixo. Em geral, cerca de 30 minutos. Devem-se evitar suspensões e interrupções.

Qual a frequência?

Deve ser semanal, em dia e horário certos.

Pode-se colocar água para ser magnetizada?

Sim.

As crianças podem participar?

Sim. Nesse caso, a leitura deve ser adaptada para seu melhor entendimento.

Pode ser feito por uma pessoa só?

Sim. O roteiro é o mesmo.

Quais são as etapas do evangelho no lar?

  1. Prece inicial: escolhe-se um dos participantes para realizar uma simples e espontânea prece em voz alta. A reunião pode ser enriquecida por uma leitura, antes da prece, de uma mensagem espírita de livros como Pão Nosso, Fonte Viva etc.).
  2. Leitura do Evangelho: leitura de um ou dois itens do livro “O Evangelho Segundo o Espiritismo”. A leitura pode ser feita sequencialmente ou pode-se abrir uma página de forma aleatória.
  3. Comentários: deverão ser breves, com a participação de todos, sem fugir do assunto.
  4. Vibrações: pode-se mentalizar paz e saúde, para o corpo e o espírito; em favor do próprio lar, da família e dos vizinhos; em benefício da humanidade, para que haja paz e fraternidade entre todos.
  5. Prece de encerramento: mais uma vez, escolhe-se um dos participantes para realizar uma prece espontânea de agradecimento ao Plano Superior e aos amigos espirituais.

Não te desesperes em vão, se te sentes excruciado por problemas e dores. Recorda-te de Jesus e deixa-te por Ele conduzir.

— Joanna de Ângelis, Página psicografada por Divaldo Franco