Textos espíritas

Importância do estudo nos dias de hoje

Autor: Zaira Machado

Relembrando a preciosa página “Tens estudado?”, do Espírito Camilo, pela psicografia de José Raul Teixeira, afirmando que as pessoas perguntam muito e refletem pouco, querendo respostas prontas, pode-se constatar essa verdade, especialmente nos tempos modernos, em que os sites de busca respondem a tudo que se pergunta.

Embora se reconheça a grande utilidade e praticidade dessas ferramentas, necessário é que as respostas sejam estudadas, refletidas, comparadas com aquilo que já se conhece. E é nesse ponto que surge a dificuldade, pois, em geral, não se conhece, porque pouco se estuda e tudo se aceita, sem análise criteriosa. […] Leia mais


Evolução, o objetivo maior

Autor: Marcio Sarnelli Monassa

Saúde, paz, prosperidade, harmonia, sucesso … Você já reparou que tudo o que desejamos para nós se transforma em votos de bem-estar e felicidade dirigidos a pessoas que amamos? São os maiores objetivos e ambições de todos, espíritos encarnados neste momento no Planeta Terra. Uma vida confortável, cheia de venturas, alegrias e sucesso.

Na realidade, quantas pessoas você conhece que realmente conseguem alcançar esses objetivos que,  na sua grande maioria, visam apenas ao aqui e agora? […] Leia mais


As ações e os agentes

Autor: Hélcio Sampaio

Os meios de comunicação nos mostram, diariamente, as mazelas de um mundo ainda de expiações e provas. Pelo noticiário, tomamos conhecimento dos descalabros da política dissociada da ética, da violência nas cidades, das paixões inferiores e suas nefastas consequências e das guerras que ceifam milhares de vidas, relegando milhões de famílias ao luto e ao desabrigo.

Não raro nos indignamos e, ainda que por breves momentos, nos deixamos dominar pela ira e revolta, emitindo contra nossos irmãos, autores e corresponsáveis por esses crimes e misérias, pensamentos negativos, que se estendem do justo clamor por justiça a condenáveis sentimentos de vingança, embora não tenhamos a intenção de levá-la adiante.

[…] Leia mais


“Como poderei entender se alguém não me ensinar?”

Autor: Zaira Machado

“Como poderei entender se alguém não me ensinar?” – Atos, 8:31

Uma das grandes necessidades do homem, sem dúvida, é a aquisição de conhecimentos que possam lhe garantir, no mínimo, a sobrevivência e sustentabilidade, diante dos desafios que a vida lhe oferece. Isso está presente na criatura humana desde seu aparecimento na Terra e se desenvolve na proporção que avança na longa e difícil trajetória rumo  à condição de homem civilizado.

Nesse projeto de vida que cada um traz para ser construído por si mesmo, existem etapas que exigem esforço maior, de modo a se transpor barreiras que demandam conhecimentos prévios e que somente os instintos e os condicionamentos não atendem. […] Leia mais


Homossexualidade e o espiritismo

Autor: Sergio F. Aleixo

O espiritismo não trata de orientações sexuais para além da heterossexualidade, nem poderia; à época de sua formulação, os limites das ciências ainda bem estreitos eram para tanto. Kardec, porém, chegou a ensaiar instigante tese no artigo inaugural da sua Revista de jan/1866. Disse o mestre que o espírito se ressentiria da injunção do organismo, o que, segundo ele, poderia modificar o caráter, por conta da submissão às exigências do estado de encarnação. Essa influência não desapareceria logo após a morte; a alma não perderia, pois, instantaneamente, a despeito de já livre, seus gostos e hábitos terrenos. É assim que sucessivas encarnações num mesmo sexo poderiam levá-la a fixar caráter masculino ou feminino, cuja marca nela ficaria impressa. Só depois de […] Leia mais


O bom professor é aquele que sabe fazer perguntas

Autor: Marli Albertina

      Boas perguntas são as que estimulam nossa capacidade de reflexão, revelando nossas dúvidas, mas, sobretudo, nossa vontade de aprender. Não nos referimos à dúvida que nos deixa ao desalento, mas sim à que nos transforma. Hippolyte Léon Denizard Rivail, influente educador e discípulo de Pestallozzi, sob o pseudônimo de Allan Kardec, notabilizou-se como o codificador do Espiritismo. Na elaboração de “O Livro dos Espíritos”, a primeira obra da Doutrina Espírita, utilizou-se da técnica de perguntas, didaticamente organizadas e respondidas por uma equipe de Espíritos Superiores. […] Leia mais


1 2 3 4

Cada dia que amanhece assemelha-se a uma página em branco, na qual gravamos os nossos pensamentos, ações e atitudes. Na essência, cada dia é a preparação de nosso próprio amanhã.

— Chico Xavier, livro Indicações do caminho